• adautossilva

MP vistoria delegacia de UARINI e descobre que presos estavam p4ontos para fugir




O Ministério Público do Amazonas (MPAM), pela Promotoria de Justiça de Uarini, realizou uma inspeção nas celas da carceragem do 58º Distrito Integrado de Polícia no domingo, 07/06, o que frustrou uma tentativa de fuga planejada para acontecer no início do mês de julho. A informação do plano de fuga foi repassada ao MPAM pelo Departamento de Polícia do Interior (DPI) da Polícia Civil, que recebeu uma denúncia anônima. Foram encontrados um celular, carregadores, alguns objetos cortantes, dinheiro em espécie, bem como uma "tereza", corda improvisada usada em tentativas de fuga. A delegacia comporta duas celas, que abrigam 20 presos (16 provisórios e 04 condenados).

"As medidas foram tomadas para a garantia da ordem e segurança públicas, bem como para a proteção da saúde dos Policiais que trabalham na 58ª DIP e dos presos. Os objetos apreendidos que adentram à DIP são reflexo da falta de estrutura para a manutenção dos presos no interior do Estado", explicou o Promotor de Justiça Gustavo van der Laars. Para fazer a inspeção com segurança, o MPAM solicitou apoio ao Comandante Tenente Coronal Huoney Herlon Gomes, do 3º Batalhão de Polícia Militar de Tefé.



De acordo com o Promotor de Justiça, a detenção de Uarini tem histórico de fugas. Entre outras, ele relembrou uma rebelião ocorrida no ano de 2018 e uma tentativa de fuga, em janeiro de 2020 na qual as grades do alto da cela foram serradas. A tentativa de fuga de janeiro motivou a transferência de presos para Tefé, onde há uma unidade prisional mais segura. "O preso responsável por esse plano de fuga foi transferido para Tefé. Ele fugiu daquela unidade, foi recapturado e atualmente se encontra Uarini. O ideal seria que eles estivessem em unidade penal adequada", declarou o Promotor de Justiça.


Atendimento médico e jurídico A Promotoria de Justiça de Uarini, em conjunto com a Polícia Civil da Comarca, requisitaram à Secretaria Municipal de Saúde de Uarini atendimento médico para checar a situação de saúde de todos os 20 presos, oque foi feito no dia 1º de junho. Na mesma data, com o intuito de acalmar os ânimos, o Promotor de Justiça convidou os advogados Dr. Jan Ricelle Queiroz e Dra. Izolina Ribeiro Monteiro para conversarem com os presos. Os advogados atenderam seus clientes e prestaram informações gerais aos demais presos. "Fundamental o apoio dos advogados da Comarca, diante da ausência física (neste momento de pandemia) da Defensoria Pública do Estado do Amazonas no Município de Uarini, atuante pelo sistema de Polo na Comarca de Tefé. Além de orientarem seus clientes particulares, auxiliaram com orientações jurídicas aos demais presos para que os ânimos da unidade prisional voltasse à normalidade", avaliou o Promotor de Justiça.


©2019 Portal de Notícias@.com / Por Adauto Silva

  • Ícone preto do Facebook
  • Ícone preto do Twitter
  • Ícone preto do Pinterest
  • Ícone preto do Instagram