• adautossilva

Jovem de 17 anos foi levado de casa no km 17 na AM 352 e executado no km 31

Atualizado: Fev 16

O corpo de Francinildo Pereira da Silva, 17 anos, foi encontrado na manhã deste sábado, jogado no km 33 da estrada AM 352 Manacapuru/Novo Airão. O corpo que estava caido na lateral da pista estava com mãos e pés amarrados e apresenta perfurações na cabeça, supostamente de bala. Segundo moradores do local onde o homem foi executado, eles ouviram por volta de 09 horas da noite três tiro e hoje pela manhã acharam o corpo do jovem jogado na Beira da Estrada.

Francinildo foi levado da casa onde morava no km 17 da mesma estrada, por três homens que invadiram a casa onde ele a irmã e o cunhado moravam. Segundo a irmã da vítima os três homens invadiram a casa, amarraram os três e bateram muito na vítima e depois o levaram. A irmã e o cunhado, que também foi agredido com lambadas de terçado nas costas, ficaram amarrados na casa.

"Ele amarram a gente é bateram muito nele e também ainda bateram no meu marido, mas o alvo deles era meu irmão, depois eles deixaram nós dois amarrados no quarto e levaram ele, eles levaram todas as facas e terçado que tinha na casa", contou a irmã da vítima. Minutos depois a jovem conseguiu se desamarrar, ajudou o marido a se soltar e saíram para avisar os parentes, ainda na noite de ontem.

O que chama atenção é que os homens percorreram mais 13 km na mesma estrada, no sentido Novo Airão e somente lá executaram a vítima, na lateral da estrada, onde abandonaram o corpo. Ainda segundo a irmã de Francinildo, ela não reconheceu nenhum dos homens e eles durante a ação, só agiam com violência, mas não diziam o que queriam ou iam fazer. O corpo foi removido pela polícia para o necrotério do cemitério de Manacapuru, de onde deve seguir para o IML. A polícia segue investigando o caso.

©2019 Portal de Notícias@.com / Por Adauto Silva

  • Ícone preto do Facebook
  • Ícone preto do Twitter
  • Ícone preto do Pinterest
  • Ícone preto do Instagram