• adautossilva

Golpe da formatura frustra sonho de pais em Manacapuru

Pais de 55 alunos da Creche Lígia Maria, em Manacapuru, registraram nesta quinta-feira, 19, denúncia de crime de estelionato contra Antônio Martins Ferreira da Costa, o Edu Ferrari, que segundo os pais recebeu a importância de R$ 8 mil reais para ornamentar a festa de formatura de seus filhos e desapareceu com a grana, sem prestar o serviço.

Os pais colocaram a mão na massa para não ver o sonho da formatura sair pelo ralo

A formatura que está marcada para acontecer na noite desta quinta-feira, 19, só vai ser realizada porque os pais buscaram recursos próprios e ajuda de outros para concretizarem o sonho planejado há 10 meses, periodo em que ele muito trabalharam e arrecadaram fundos para realizar a tão esperada formatura.

A União do grupo garantiu a realização da festa de formatura

Segundo a mamãe Lucélia Santos, o grupo de pais passou R$ 4 mil reais ao Edu Ferrari, no ato da assinatura do contrato e 4 mil reais foram repassado está semana. "Ontem nós tivemos o último contato com ele, porque ficamos certos de pagar quatro mil reais na assinatura do contrato e o restante três dias antes, mas ele na sexta-feira passada já estava cobrando o restante, demos uma parte e ontem depositamos os últimos mil reais que faltava para ele vir fazer o serviço e desde então ele sumiu, não atende o celular, não responde as nossas mensagens”. Disse Lucélia Santos, pres. da comissão dos pais, que cuidou da organização da formatura.

O grupo vendeu bingos, rifas, goluzeimas e pagavam mensalidade para arrecadar o valor cobrado pelo suposto ornamentado que sumiu com o dinheiro. "Nós queremos que esse Edu Ferrari seja homem e devolva o dinheiro, porque ele já destruiu nossos sonhos, os sonhos de nossos filhos, felizmente eles são pequenos, não entendem muito o que aconteceu, mas nós pais vamos ficar marcados para sempre por isso que ele fez com a gente”. Disse Leida Santos mãe de aluno. Já enganados e vendo o sonho da festa de formatura de seus bebês quase deixando de ser realizada os pais aguardam agora a revolução do dinheiro do "ornamentador de araque".

Após receber a última parcela do R$ 8 mil reais Edu Ferrari (foto) não mais atendeu locações ou se comunicou com o grupo.

O grupo registrou o estelionato na Delegacia Interativa de Manacapuru que seguirá com as investigações. O suspeito não foi localizado para se justificar ou falar sobre as acusações.

©2019 Portal de Notícias@.com / Por Adauto Silva

  • Ícone preto do Facebook
  • Ícone preto do Twitter
  • Ícone preto do Pinterest
  • Ícone preto do Instagram