• adautossilva

Após ser presos homem confessou ter matado desafeto

Idalvan Leão da Silva, 19, foi preso na manhã desta terça-feira (26), em Eirunepé, suspeito de envolvimento na morte de Jhony Josino da Silva, 21.

Segundo a polícia, Idalvan, que estava escondido em uma casa na no bairro de São José, na rua Antônio Maciel, bairro de São José, confessou o crime e revelou que ele e seus comparsas mataram Jhony porque estariam sendo ameaçados por ele.

A vítima foi assassinada com 12 facadas pelo corpo, no Igarapé Preto, no bairro São José. Uma das armas utilizadas na morte de Jhnony foi encontrada com Silva e levadas para a delegacia da cidade junto com ele.

©2019 Portal de Notícias@.com / Por Adauto Silva

  • Ícone preto do Facebook
  • Ícone preto do Twitter
  • Ícone preto do Pinterest
  • Ícone preto do Instagram